Cálculos errados elevam riscos

Segundo Antonio Palácios, do Grupo Palácios, as empresas fazem contas erradas quando o assunto é terceirização de pessoal como pessoa jurídica, ou PJ. Palácios assinala que as empresas fazem apenas uma conta, aquilo que elas vão ganhar no curto prazo, economizando com os encargos trabalhistas. Mas para compreender melhor o problema, as empresas precisam calcular também os gastos que terão caso tenham que arcar com uma reclamação trabalhista. Muitas empresas deixam de fazer essa conta e correm o risco de fechar. Veja mais no vídeo.

Leave a Reply